Ampliar imagem | Tamanho original
Cortesia AtelierUM + D Cortesia AtelierUM + D Cortesia AtelierUM + D Cortesia AtelierUM + D Os espaços construídos vão além de suas estruturas visíveis e funcionais. São essencialmente máquinas, máquinas de sentido, de sensação, que possibilitam uma singularização humana, liberadora da subjetividade individual e coletiva em uma contínua transformação do conhecimento. Fachada Conde de Porto Alegre A alteração da edificação existente ocorre pela adição em sua forma tipológica, num continuo do existente e num desdobramento da cota de seu pátio. O térreo desdobra-se em sua cota inferior, possibilitando a conexão física entre auditório e biblioteca, um foyer aberto contíguo visualmente à cantina. Diagrama Partido 01 A cantina, local de encontro entre docentes e alunos, é a função programática que ocupa o térreo e configura a transição entre o aditivo educacional, a biblioteca e o auditório. Os dois últimos, por sua vez, encontram-se abaixo do nível do pátio,  possibilitando uma independência construtiva assim como maior clareza funcional. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar