Casa Mirante do Horto / Flavio Castro Arquitetos

O projeto da residência partiu de uma básica premissa: máximo aproveitamento do terreno para um enorme programa de usos. Assim, a estratégia foi localizar programas específicos e circulações verticais de maneira que os demais recintos gozassem de extrema flexibilidade e amplitude visual, tirando partido da estrutura e volumetria.

© Nelson Kon

O numero mínimo de elementos necessários para recintar um espaço é 3. Uma dialética de interdependência entre home, cozinha e escada é estabelecida nessa residência e demarca um território, o que se pode ver ilustrado no croqui ao lado.

Esquema 1 - Recinto por 3

A espacialidade interior gerada em cima da laje plana e lisa do piso de convívio, na verdade, é o que sobrou depois de ocupá-la com especifico programa traduzido em três pequenas “caixas matéricas”.

Ideia Projeto - 1

A estratégica e acertada localização de um núcleo servidor dentro de um espaço homogêneo, o transforma em axial e subdividido, pois linhas virtuais são traçadas e o que é servidor passa não apenas a servir, como o próprio nome já sugere, mas também a referenciar.

Imagem - 1

uma sombra

Esquema 2 - Jogo de Sombras

O serviço, vizinho à garagem, está implantado um metro abaixo do nível da rua. Em cima dele, pousa o container com as demais funções da casa. Uma sombra os separa.

© Nelson Kon

A sombra pelo exterior significa luz pelo interior. Esse intervalo permite a iluminação e ventilação dos ambientes inferiores e confere uma extrema leveza visual ao maciço volume superior.

© Nelson Kon

Academicismo levado ao extremo, a estrutura cumpre papel essencial na concepção e faz com que a leitura do projeto seja imediata e inteligível. Acessos que vencem esse desnível em altura foram distribuídos como elementos independentes a geometria pré-estabelecida para a casa.

© Nelson Kon

container sobre barras

Esquema 3 - Conteiner sobre Barras

Um bruto container estereotómico pousa sobre duas barras tectônicas de maneira a destacar-se em acesso e usos de seu entorno imediato. O volume prismático contém o programa da residência em dois pavimentos e mais um teto jardim.

© Nelson Kon

Suas aberturas são extremamente flexíveis nas fachadas frontal e posterior, ao passo que bastante rarefeitas e pontuais nas fachadas laterais. Isso é resultado do entorno imediato já que a comum prática dos vizinhos é implantar suas casas na divisa. Por isso, o programa da casa está todo nos perímetros laterais propiciando uma maior flexibilidade interior espacial e comunicação visual em altura.

© Nelson Kon

Essa transição proporcionada pelas duas vigas metálicas permite que o pavimento da garagem se espalhe até os limites mais perimetrais do terreno. Ocupação máxima sem prejudicar a ventilação e iluminação garantida exatamente por esse intervalo.

© Nelson Kon

lamina servidora

Esquema 5 - Lâmina Servidora

Conectando a casa de cima abaixo, a parede direita à escada interior da casa oferece barriletes verticais para toda a troca de fluidos entre os quatro níveis de altura, ao mesmo tempo em que oferece espaço físico para um acontecimento distinto em cada um deles.

© Nelson Kon

No pavimento da garagem, superior e terraço, mobiliários cumprem o papel de ateliê, escritório e apoio respectivamente, ao passo que no térreo um grande aquário transforma esse intervalo entre casa e escada em um prisma, que acaba por agregar uma terceira função a essa importante lâmina.

© Nelson Kon

planos perfurados

Esquema 6 - Planos Perfurados

A residência foi concebida através de uma sucessão de lajes horizontais livres com supressões onde o projeto requereu. Nesses planos de 8×11 metros, as perfurações acontecem em lugares estratégicos permitindo a circulação vertical e a entrada de luz zenital.

© Nelson Kon

A luz natural adentra pela clara-bóia junto ao volume da caixa d’água, passa pelo pavimento superior e chega ao social. Uma dupla conexão acontece nesse ponto de maneira a permitir ao morador estar em contato, ao mesmo tempo, com a linha do horizonte e com o céu.

© Nelson Kon

Teto jardim

Esquema 8 - Teto Jardim

Além de belvedere para a cidade (croqui acima), o teto jardim contribui com a sustentabilidade da residência pois auxilia no resfriamento da área imediatamente abaixo mais carente de proteção térmica, os dormitórios.

© Nelson Kon

Elementos escultóricos emergem dessa plataforma de observação da cidade perturbando a ordem. A curva suave e maciça que abriga o depósito de água e o triângulo pontiagudo que cobre a escada de acesso contrastam em diversos valores como cromatismo e formalidade.

 

 

Ficha técnica:

  • Arquitetos:Flavio Castro Arquitetos
  • Ano: 2010
  • Área construída: 300 m²
  • Área do terreno: 226 m²
  • Endereço: Condomínio Mirante do Horto – Horto Florestal São Paulo, SP Brasil
  • Tipo de projeto: Residencial
  • Status:Construído
  • Materialidade: Metal e Concreto
  • Estrutura: Aço e Concreto
  • Localização: Condomínio Mirante do Horto – Horto Florestal , São Paulo, SP, Brasil

Equipe:

Flavio Castro Arquitetos

Informação Complementar:

  1. Eletrica e hidraulica 
  2. Lozano engenharia
  3. Estrutura
  4. Lozano engenharia
  5. Gerenciamento de obra
  6. Flavio Castro
  7. Jose Claudio Magalhaes
  1. Ferro
  2. Gerdau - Gerdau Açominas S/A
  3. Concreto
  4. Concremix - Concremix
  5. Laje maciça
  6. construído in loco
  7. Hidraulica
  8. Tigre/Amanco  - FF Guarulhos Inds. Ltda
  9. Elétrica
  10. Pial, Tigre, etc.-  Audioluz Eletro Comercial Ltda.
  11. Esquadrias
  12. Vidros -  Blindex Jacqsa Coml. Distrib.Vidros Temp.
  13. Aluminio -   Alcoa Esquadralum Ind. e Com. Esquadrias Ltda.
  14. Metais e Louças
  15. Deca - C & C Casa e Construção Ltda.
  16. Escadas externas, vigas metálicas e guarda-corpos
  17. Metaaços - Grapa Com. Ferr. Ltda.
  18. Pisos/Azulejos
  19. Portobello,Elizabeth, Porto Ferreira, Eliane, Lanzi - C & C Casa e Construção Ltda.
  20. Pastilhas de Vidro
  21. Kolorines - Kolorines Coml. Imp. e Exp. Ltda.
  22. Lareira/Forno/Churrasqueira
  23. Largrill - Largrill Serralheria Artística Ltda.-ME
  24.  Ar condicionado
  25.  Fujitsu - STR
  26. Aquecimento solar
  27.  Transsen - Transsen Aquecedores LTDA
  28. Impermeabilização
  29. Systemflex - Systemflex

Cita:Joanna Helm. "Casa Mirante do Horto / Flavio Castro Arquitetos" 15 May 2013. ArchDaily Brasil. Acessado . <http://www.archdaily.com.br/7231/casa-mirante-do-horto-flavio-castro-arquitetos>
comments powered by Disqus