i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. SANDWORM / Marco Casagrande

SANDWORM / Marco Casagrande

SANDWORM / Marco Casagrande
 SANDWORM / Marco Casagrande , © Nikita Wu
© Nikita Wu

Sandworm (ou “minhoca de areia”) é uma estrutura/espaço/criatura orgânica construída sobre as dunas do litoral de Wenduine, na Bélgica. Com 45 metros de comprimento e 10 metros de largura e altura, a instalação percorre livremente o campo da arquitetura e o campo da arte, toda construída a partir da planta salgueiro, seguindo o conhecimento local de uma interação contínua entre obra e ambiente.

© Nikita Wu

Casagrande trabalhou intensamente com sua equipe de jovens arquitetos e especialistas locais durante quatro semanas, com o intuito de criar algo que ele descreve como “arquitetura frágil” – uma estrutura artesanal que deseja se tornar parte da natureza através da flexibilidade e da presença orgânica.

© Nikita Wu

Os visitantes descrevem a Sandworm como uma catedral de salgueiro direcionada para celebrar as condições específicas das marés das praias de Wenduine. O espaço é usado para piqueniques, relaxamento e meditação pós-trabalho nas indústrias.

© Nikita Wu

No interior da Sandworm, você é agraciado pelo espetáculo natural de luz e sombra. Eu fiquei surpreso. Como se pode criar tanta beleza com tão materiais tão simples. O artista acredita que o controle arquitetônico vai contra a natureza e até mesmo contra a arquitetura. O ambiente construído pelo homem é um mediador entre a natureza humana e a própria natureza. Para fazer parte disso, o homem deve ser fraco. Para o artista finlandês Marco Casagrande, projetar não é o suficiente. O projeto não deve substituir a realidade. O edifício deve surgir do local, deve reagir ao meio ambiente, deve ser uma reflexão da vida e também ser ele mesmo, como todo ser vivo.” – Peter Beyen.

© Nikita Wu

Projetar não é o suficiente. O projeto não deve substituir a realidade. O edifício deve surgir do local, deve reagir ao meio ambiente, deve ser uma reflexão da vida e também ser ele mesmo, como todo ser vivo.

© Nikita Wu

O controle arquitetônico vai contra a natureza e até mesmo contra a arquitetura. O ambiente construído pelo homem é um mediador entre natureza humana e a própria natureza. Para fazer parte disso, o homem deve ser fraco.

© Nikita Wu

Ficha técnica:

  • Arquitetos:Marco Casagrande
  • Ano: 2012
  • Área construída: 320 m²
  • Tipo de projeto: Efêmero
  • Operação projetual:Intervenção
  • Status:Construído
  • Características Especiais: Ecológico
  • Materialidade: Madeira
  • Estrutura: Madeira
  • Localização: Wenduine, Bélgica

Equipe:

  1. Arquiteto: Marco Casagrande
  2. Coordenador de projeto: Nikita Wu / C-LAB


  1. Organizador: Beaufort 04 Triennial of Contemporary Art
  2. Curador da Trienal de Beaufort: Jonas Vandeghinste
  3. Casagrande Laboratory for Cicada: Jan Luksik, Jan Tyrpekl, Lukas Landa, Zuzana Hanuskova
  4. Especialistas em salgueiro: Karol Jaworski, Pawel
  5. Especialista de Beaufort: Santiago De Waele, Karl Van Kelst
  6. Materiais: Salgueiro, areia

Cita: Fernanda Britto. " SANDWORM / Marco Casagrande " 14 Abr 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <http://www.archdaily.com.br/43294/sandworm-marco-casagrande>
Ler comentários

0 Comentários

···

Comentários estão fechados

Ler comentários