Edifício no Barrio de Gracia / Franconi & González Architects SCP

Este trabalho somou a complexidade habitual de reformar um edifício existe, com mais de 60 anos, ao feito de operar conjuntamente uma mudança de uso, que incorporaria uma atividade nova e diferente da original. Sem ser um edifício catalogado, possui uma unidade e estilo característico de um momento da arquitetura do século XX e uma presença urbana que se decide conservar ao máximo.

© La Fotográfica

O cliente, que não é o proprietário do imóvel, necessitava de uma intervenção muito superficial com um orçamento reduzido. Uma adequação máxima a partir de modificações e transformações mínimas de sua estrutura, revestimentos e divisões para configurar os espaços arquitetônicos para que professores e, sobretudo, alunos do Istituto Europeo di Design desenvolvam sua atividade criativa. E ainda, o que fosse adicionado deveria ser facilmente retirado.

© La Fotográfica

Ordem exterior: O edifício é formado por quatro alas alinhadas as ruas e a um muro, cada uma com diversos níveis e usos, que vão desde o subsolo, térreo, primeiro e segundo andar, até uma com diversos pavimentos e um pequeno terraço. Esta configuração deixa um pátio central, originalmente de carga, que se entende como o núcleo central do projeto, a partir do qual se reordenou o edifício, que se transforma para preencher o desnível com o interior e estabelecer uma continuidade de solo com a cidade, fazendo-o acessível. A resposta é um piso, um manto de tábuas de madeira, organizada em diversos planos, com uma rampa central que une suavemente o nível da rua com o interior do térreo.

© La Fotográfica

Ordem interior: O fato de ser um edifício indústrial com uma maioria de espaços de planta livre facilita as divisões interiores, todas feitas à seco. No semi-subsolo, cria-se um corredor que ordena as salas de aula perimetralmente, sem a necessidade de muita luz natural. Nos pavimentos superiores, que já se relacionam com o pátio, recria-se uma ordem de tipo claustro orientada ao pátio com salas de aulas perimetrais com iluminação natural. O térreo recebe a recepção principal, o auditório e as oficinas de moda.

Planta Térreo Intervenção
Corte

Ficha técnica:

Equipe:

  1.  Arquitetos: Franconi & González Architects SCP - Cristiano Franconi, Rodrigo González
  2. Colaboradores: Gonzalo Fernández, Arnau Boix, Mirko Usai, Caterina Dominioni

 

Informação Complementar:

  1. Cálculo Estrutural: Area5 (Jordi Velasco Ing.)
  2. Construtora: Lluis Casas SL
  3. Cliente: Istituto Europeo di Design (IED)
  4. Projeto: 2008
  5. Construção: 2011

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato. Cita:Marina de Holanda. "Edifício no Barrio de Gracia / Franconi & González Architects SCP" 15 May 2013. ArchDaily. Accessed . <http://www.archdaily.com.br/33643/edificio-no-barrio-de-gracia-franconi-e-gonzalez-architects-scp>
comments powered by Disqus